terça-feira, 31 de julho de 2012

PORQUE AMAR DEMAIS É SOFRER DEMAIS? PORQUE NÃO É? Rodrigo Santiago



O Amor e As Bilhões de Pessoas em Dor

Todos os dias, uma verdadeira aldeia global justifica seu sofrimento com a palavrinha ‘amor’. Mães sofrem pelo futuro dos filhos. Amantes sofrem pela pessoa que ama. Cristo sacrificou-se voluntariamente, impondo-se o sofrimento por amor a toda a humanidade, segundo o que foi escrito na Bíblia.

Quando você ama demais, quer que a pessoa viva o melhor que ela pode viver. O melhor que você sabe que ela pode ter para si. Você sente uma dor quase física quando alguém que ama toma uma decisão que não é a melhor de todas. Quando, claramente, é a escolha menos saudável a se tomar.


As pessoas se importam. As pessoas cuidam. As pessoas querem ajudar. As pessoas se preocupam. O amor que você sente por alguém te leva à necessidade de contribuir. Na iminência de uma opção desastrosa, a gente sempre se compadece de quem toma a decisão ruim. A dor parece ser sempre diretamente proporcional à quantidade de amor que você deposita na vida do outro.

O Que Há Nas Entrelinhas do Que o Amor nos Traz?


Existe uma dor “primordial”, que vem da nossa experiência sensorial em um plano marcado pela separação, pela dualidade “eu, não-eu”. Isso não agrada nossos sentidos. A percepção de que existe um mundo muito maior do que nós do lado “de fora” da gente cria uma necessidade intrínseca de desenvolver e expandir nosso ser.

A maneira mais essencial de “expandir” nossa existência e nos tornarmos maiores, mais importantes e menos efêmeros é através do desenvolvimento da nossa ligação com pessoas que nos compreendem neste plano material, de “isolacionismo”. Para contrariar o que os nossos sentidos nos dizem de maneira tão gritante, precisamos de pessoas que compreendam e compartilhem dos nossos pontos de vista, das nossas pequeninas particularidades. Pessoas que digam que até nossas mais delicadas ou superficiais incertezas sejam merecedoras de atenção.


A atenção é o meio pelo qual nos percebemos pequenos, e também o único meio de expandir quem somos.


Quando percebemos que estamos sendo acariciados pelos braços do amor, dessa validação do outro, sentimos muito prazer. Um prazer indizível, que só quem sente é capaz de definir, mas nunca em palavras. Um prazer que remete à paz, à felicidade. O prazer divino do amor entre as pessoas, que existe e pode ser sentido em alguns momentos, com muita intensidade. Basta você estar preparado, e todo mundo está, em algum momento. Talvez agora, quem sabe?


Como Obtemos Prazer da Matéria?

A quantidade de prazer nas nossas vidas é aumentada também pela quantidade de controle que temos sobre o contexto material onde vivemos. Se a percepção do universo à nossa volta melhora em qualidade, nós nos tornamos mais felizes, porque percebemos essa melhora como sinal do nosso domínio sobre o universo que tenta nos impor a separação.

Se você melhora suas condições e seus hábitos, isto significa que você é capaz de subjugar a realidade que tenta lhe impor o desprazer da separação, ou o descontrole, o “não-eu”. Através de escolha e interação física, você manifesta sua conexão também com o plano material. Molda-o à semelhança de quem você é por dentro. Esta é a função da estética e da beleza nas coisas da vida: uma maneira de manifestar sua porção divina sob a Criação – venha ela de onde vier.


Como o Amor se Liga à Realidade?


O aumento do nosso prazer é um objetivo definitivo na nossa vida. Queremos sempre ter mais dele – seja desenhando o mundo material à nossa vontade, seja aumentando o grau de conexão entre nós mesmos e o próximo.


Quando você intensifica sua ligação com outra pessoa, é natural que o seu contexto, ou a sua realidade, seja compartilhada com ela. Vocês passam a se encontrar mais vezes, frequentando os mesmos lugares e compartilhando conversas, significados e até hábitos.


O aumento da conexão, naturalmente, causa o compartilhamento de objetivos e ideais. Você quer viver com o outro o melhor contexto possível do seu amor. Quer melhorar junto com o outro. Quer profundamente que o outro melhore também, em todas as suas decisões. Estar com alguém “melhor ainda” é também ser alguém melhor ainda.


Na presença da possibilidade de mais prazer, você se torna mais motivado, ou mais motivada a interagir com o outro, na direção de seu aperfeiçoamento. Com seus sentidos fixados em um cenário melhor do que o atual, você passa a ser uma peça ativa na provocação do desenvolvimento do outro: encorajando, demonstrando, comunicando e até em alguns momentos conduzindo o outro na direção de uma posição superior à atual.


É precisamente nesse momento que a dor pode atuar, ao invés do prazer.


Como Entender a Mecânica da Dor no Amor?

Nós estamos sempre dispostos a manter as relações nas quais nos investimos, em especial aquelas que nos trazem o sentimento de conexão, de importância, do sublime prazer que prove que os nossos sentidos carnais estão errados. De que somos, sim, muito maiores do que percebemos. Não preciso me explicar pra você, isso é simples e profundo. Você já sabe disso.


Pelo mesmo motivo, se entendemos que certas escolhas podem tornar o contexto do relacionamento melhor, isto é sinal de que podemos ter mais prazer. Ora, se já temos prazer em um relacionamento, porque não ter mais um pouquinho? O que custaria você ajudar aquela pessoa que você tanto ama a alcançar um pouquinho mais em sua vida, ou deixar alguma mania prejudicial? Segundo esta hipótese, nos agarramos à possibilidade do ‘se tiver mais prazer ainda, poderá haver mais amor ainda’.


A Fuga Para Um Presente Falso

O movimento inicial da dor acontece quando refletimos sobre a possibilidade de toda essa conexão divina simplesmente deixar de existir. Será que essa pessoa me ama? Será que vai continuar comigo? E se ela já estiver me traindo?


A mera suposição deste cenário é mais do que suficiente para motivar a insegurança aguda, em alguns casos. As pessoas saem do estado real do amor que existe para reagir a fim de evitar o estado irreal do relacionamento, aquele que até então não existiu.


Geralmente, essa motivação vem de algumas verdades distorcidas e generalizações na nossa cabeça. Coisas como “todos os homens traem”, ou “se minha última namorada me traiu, essa aqui também vai trair” ou ainda “ele tem um passado ruim deve continuar igual” e “ela já me traiu, vai trair novamente”.


O que ela causa? Excesso de controle, e te impede completamente de aproveitar o agora, que é o que de fato existe. Essa é uma distorção baseada em memórias passadas, pela falta de perdão ou de confiança que as pessoas possam realmente melhorar. Quem acredita que o ser humano não pode melhorar, e muito rápido, torna-se completamente incapaz de acelerar sua própria evolução. Por isto temos tantas pessoas bloqueadas para mudanças: sua própria crença sobre a natureza humana motiva e sustenta com bases ultra-fortes o seu bloqueio.

O Outro Está Jogando Fora Um Futuro Perfeito

O segundo movimento acontece quando o que você acredita ser a melhor decisão em um curso de ação não é a melhor decisão que a outra pessoa vê, por mais que você estejaobviamente certo. Vamos assumir que você eteja.


Este segundo movimento causa pensamentos reativos, do tipo “meu filho não quer nada com a vida”, ou “minha namorada tem a cabeça vazia”. Isso também dói. Dói muito.


Ter o cenário da sua “perfeição” se afastando da realização causa a sensação de perda do prazer que pode ser proporcionado por aquela perfeição. E perda de prazer também reflete em dor.


O ponto cego, nesse caso, é que você esquece completamente o presente maravilhoso que você já vive com aquela pessoa. Esquece de reconhecer como é bom o presente do lado dela. E como é bom estar ao lado para apoiá-la partindo do princípio que ela tem liberdade em suas escolhas.


Como o Amor Poderia Justificar o Rompimento?


Viver nestes dois cenários dolorosos podem claramente fazer você perder suas estribeiras. Nossa psiquê faz de tudo para nos afastar da dor. Se você toma estes dois movimentos como absolutos e começa a viver em dor, seu corpo se motiva a fazer algo para resolver este incômodo.


Para o primeiro movimento, naturalmente, o controle excessivo causa dor na pessoa que você ama. Ela, em dor, manifesta sua insatisfação com o relacionamento, e você sente mais dor ainda. Com uma pequenina distorção motivando sua primeira atitude de ciúme, você promete que vai melhorar, mas curiosamente nunca consegue, porque vive atormentada pelo fantasma da traição. Do “isso que está acontecendo é bom demais pra ser verdade”.


As insatisfações acumuladas e trocadas, naturalmente causam mais dor ainda. A única reação possível para o retorno ao prazer é o rompimento.


Para o segundo movimento, uma opinião ruim que começa a se cristalizar na sua mente a respeito da pessoa que você ama causa dor. A associação com algo que não é perfeito causa muita dor, que motiva a mudança. Essa dor é motivo o suficiente para você começar a pensar: eu não quero ficar com uma pessoa que toma esse tipo de atitudes, ou que tem esses costumes. Não vai ser bom pra mim.


A Dor é Sempre a Causa do Rompimento, Não o Amor

A insatisfação e o desconforto criados por estes dois cenários, naturalmente, se refletem nas atitudes do dia a dia: menos carinho, menos afeto, menos atenção, portanto, mais desconexão.
Quanto maior a desconexão, maior a dor, e isto motiva o rompimento. Porém, desligamentos doem, muito. Não vou me estender pelos motivos, você já sabe deles. Quando você vislumbra o rompimento, você sente mais dor ainda. O que você já possuía (e que teoricamente já não valia a pena) não pode mais ser.


No entanto, para evitar a dor da separação, pode ser que ninguém dê o primeiro passo. Isso pode motivar o cenário do “casal apático”, onde ninguém se fala, ninguém se acaricia, ninguém coloca um ponto final na relação e as traições são precipitadas, porque alguém começa a buscar pelo prazer fora da relação.


É fato: em meio a uma relação conturbada, nós buscamos prazer fora dela: seja com outra pessoa, seja com uma conexão sensorial extra com o mundo (comida, trabalho, acúmulo ou gasto excessivo de dinheiro, violência, bebida, auto-corrupção, cigarros etc).


Naturalmente, todos esses excessos tem seus efeitos sobre a nossa saúde. Tornamo-nos completamente insustentáveis para nós mesmos.


Se, nessa espiral de crenças e distorções, ninguém fizer uma mudança nos seus pensamentos, nada se mantém, simplesmente porque a dor se torna insuportável.


Quem Disse Que Você Está Certo?


Vivemos em um mundo com incontáveis estrelas, e um universo infinito. Mediante tantas possibilidades, todas elas completamente fora da nossa capacidade de compreensão, de onde é que é que a gente tira tanta certeza para afirmar certas coisas?


Quem nos dá autoridade para dizer que “homens traem”, ou que “meu filho não sabe o que quer”? A única pessoa que teria esta capacidade seria Deus, criatura onisciente e onipotente, como ilustrado pelas religiões.


Mesmo assim, não importa em qual religião você busque. Em todas elas, a manifestação de Deus só nos encoraja a fazer uma única coisa: amar. Amar no presente. Nós não podemos estreitar nossa visão a fim de pintar cenários que são possíveis, mas que não são prováveis. Precisamos nos libertar desses pensamentos corruptos. Precisamos varrer nossa casa. Precisamos nos visitar. Entrar, limpar com cuidado as distorções que construímos, e nos liberar pra viver uma única coisa: o agora.


Afinal, o Amor Faz Sofrer?

O amor não faz sofrer. O medo de perdê-lo é o que faz. Na presença do exercício do amor, o medo não existe. Na presença do exercício do medo, o amor não se realiza.


Sua cabeça é capaz de dirigir a atenção a uma coisa de cada vez. Você quer experienciar o amor que você tem e se tornar cada vez maior, ou você quer experienciar o fantasma do medo, e diminuir a sua pessoa?


Partindo do estado do amor puro e presente, que é o que existe, você vai encontrar todas as razões para construir uma atitude de encorajamento no crescimento do outro. Sem esse estado, certamente o que você vive não é amor, portanto o que você entrega não é o amor. As atitudes fora do amor são todas constritivas, restritivas e destrutivas. Dentro dele, todas elas são construtivas, sustentáveis e agradáveis. Não importa na presença de quem, esta pessoa sempre se sentirá confortável quando você parte de um estado emocional equilibrado, carinhoso, aberto e convidativo.



ESTAMOS NA TORCIDA - CICLISMO BRASIL NAS OLIPÍADAS 2012 - LONDRES


Linda estampa ... adorei!!! Daria uma linda camiseta.

domingo, 29 de julho de 2012

O PROBLEMA É ESSE EXCESSO DE CHANCES QUE DAMOS PARA QUEM NÃO MERECE



PERDAS ...



UM FATO SOBRE MIM



AS APARÊNCIAS NÃO ENGANAM PARA QUEM SABE OBSERVAR



TRANSITORIEDADE - CECÍLIA MEIRELES


Em toda a vida, nunca me esforcei por ganhar nem me espantei por perder. A noção ou o sentimento da transitoriedade de tudo é o fundamento mesmo da minha personalidade.

Cecilia Meireles

FRASE DE HOJE



Nossas digitais não se apagam das vidas 
que tocamos!!


sábado, 28 de julho de 2012

NAMORE UMA GAROTA QUE LÊ - Camilla Rubira



Namore uma garota que gasta seu dinheiro em livros, em vez de roupas. Ela também tem problemas com o espaço do armário, mas é só porque tem livros demais. Namore uma garota que tem uma lista de livros que quer ler e que possui seu cartão de biblioteca desde os doze anos.

Encontre uma garota que lê. Você sabe que ela lê porque ela sempre vai ter um livro não lido na bolsa. Ela é aquela que olha amorosamente para as prateleiras da livraria, a única que surta (ainda que em silêncio) quando encontra o livro que quer. Você está vendo uma garota estranha cheirar as páginas de um livro antigo em um sebo? Essa é a leitora. Nunca resiste a cheirar as páginas, especialmente quando ficaram amarelas.

Ela é a garota que lê enquanto espera em um Café na rua. Se você espiar sua xícara, verá que a espuma do leite ainda flutua por sobre a bebida, porque ela está absorta. Perdida em um mundo criado pelo autor. Sente-se. Se quiser ela pode vê-lo de relance, porque a maior parte das garotas que leem não gostam de ser interrompidas. Pergunte se ela está gostando do livro.

Compre para ela outra xícara de café.
Diga o que realmente pensa sobre o Murakami. Descubra se ela foi além do primeiro capítulo da Irmandade. Entenda que, se ela diz que compreendeu o Ulisses de James Joyce, é só para parecer inteligente. Pergunte se ela gostaria de ser a Alice.

É fácil namorar uma garota que lê. Ofereça livros no aniversário dela, no Natal e em comemorações de namoro. Ofereça o dom das palavras na poesia, na música. Ofereça Neruda, Sexton Pound, E. E. Cummings. Deixe que ela saiba que você entende que as palavras são amor. Entenda que ela sabe a diferença entre os livros e a realidade, mas, juro por Deus, ela vai tentar fazer com que a vida se pareça um pouco como seu livro favorito. E se ela conseguir não será por sua causa.

É que ela tem que arriscar, de alguma forma.
Trate de desiludi-la. Porque uma garota que lê sabe que o fracasso leva sempre ao clímax. Essas garotas sabem que todas as coisas chegam ao fim. E que sempre se pode escrever uma continuação. E que você pode começar outra vez e de novo, e continuar a ser o herói. E que na vida é preciso haver um vilão ou dois.

Por que ter medo de tudo o que você não é? As garotas que leem sabem que as pessoas, tal como as personagens, evoluem.

Se você encontrar uma garota que leia, é melhor mantê-la por perto. Quando encontrá-la acordada às duas da manhã, chorando e apertando um livro contra o peito, prepare uma xícara de chá e abrace-a. Você pode perdê-la por um par de horas, mas ela sempre vai voltar para você. E falará como se as personagens do livro fossem reais – até porque, durante algum tempo, são mesmo.

Você tem de se declarar a ela em um balão de ar quente. Ou durante um show de rock. Ou, casualmente, na próxima vez que ela estiver doente. Ou pelo Skype.

Você vai sorrir tanto que acabará por se perguntar por que é que o seu coração ainda não explodiu e espalhou sangue por todo o peito. Vocês escreverão a história das suas vidas, terão crianças com nomes estranhos e gostos mais estranhos ainda. Ela vai apresentar os seus filhos ao Gato do Chapéu e a Aslam, talvez no mesmo dia. Vão atravessar juntos os invernos de suas velhices, e ela recitará Keats, num sussurro, enquanto você sacode a neve das botas.

Namore uma garota que lê porque você merece. Merece uma garota que pode te dar a vida mais colorida que você puder imaginar. Se você só puder oferecer-lhe monotonia, horas requentadas e propostas meia-boca, então estará melhor sozinho. Mas se quiser o mundo, e outros mundos além, namore uma garota que lê.

COMO DEFINIR RUMOS RADICALMENTE MELHORES PRA SUA VIDA - Rodrigo Santiago


Como Definir Rumos
Radicalmente Melhores Pra Sua Vida



Tire O Foco Dos Seus Traumas

Um Teste Desafiador Pro Seu Próprio Juízo

Pense naquela certeza traumática maior dentro de você… Aquela, que te faz tão mal que quando você pensa dá até vontade de chorar, ou de ficar um dia inteiro em casa. Pode ser uma lembrança de alguém, ou uma coisa que você deixou de fazer, ou algo que deveria ter acontecido, ou ainda algo que não aconteceu do jeito que você esperava. Só tem um critério: essa certeza precisa fazer doer muito.
Que tipo de pensamento é esse senão um pensamento que te faz mal? Você quer continuar nutrindo pensamentos ruins? Quer continuar com o mesmo padrão louco de existência? Onde está a razão se ela não te faz bem em hipótese alguma? É racional pensar de maneira a fazer mal a si mesmo? É razoável isso? Que critérios você usa? Eles são bons o suficiente a ponto de te fazerem feliz, ou eles estão te levando pra baixo?
Se você percebe que os seus pensamentos estão te destruindo, você precisa aprender a reestruturá-los. Como você sabe, este é um dos objetivos deste blog. Porque eu acredito que haja formas superiores de amar. Muito superiores do que as que estamos acostumados. Eu busco estas formas, e eu sei que você também procura. Do contrário, você não estaria aqui.
Ao mesmo tempo, eu não posso dizer que você esteja errado em pensar da maneira que você pensa, porque cada um é único em seus julgamentos e motivações. Mas posso dizer que, se a sua verdade não te dá poder de mudança e manifestação, provavelmente não é a melhor possível. Se você sempre volta pra estaca zero com ela e sente necessidade REAL de mudar, você precisa se livrar desta verdade.

O Poder De Estudar Seus Próprios Pensamentos

Saber observar a si próprio e interromper de maneira adequada aqueles pensamentos que te destroem é imperativo para que sua qualidade de vida melhore.
A sua mente é condicionada pelas coisas que você faz sempre. Super-condicionada, porque a maior parte da sua vida são hábitos. E hábitos raramente nutrem maneiras diferentes de se pensar. Pode ser complicado mudar um hábito. Muito complicado mesmo. Ou então, pode ser fácil. Super fácil. Só depende de uma coisa: se você acredita que pode ou não mudar o seu hábito com o simples poder da sua escolha.
A maior parte das pessoas acha super difícil, porque é fato que vivemos em uma sociedade onde todos propagam a idéia de que hábitos são difíceis de mudar. Isso é coisa de senso comum. Segue aqui uma novidade, que não é tão novidade assim: o que você acredita acontece. Acompanhe a manada, e você vai chegar no mesmo lugar que ela chegou. Seja audacioso com suas idéias, e você vai chegar em lugares que ninguém nunca imaginou.
Enquanto na sua cabeça estiver impregnada a idéia de que “é difícil mudar”, a tendência será continuar na mesma. Você precisa aprender a negociar com seu próprio cérebro. Precisa aprender a especificar quais são os passos pra sua própria mudança, e executá-los. Pode não ser fácil no princípio, mas a habilidade de mudar pode ser aprendida, como qualquer outra na vida.

Para Plantar Seus Novos Rumos, Crie Novos Pensamentos

Faça-me o favor: se você sofre muito com eventos do seu passado, esqueça a idéia de que ele precisa te machucar emocionalmente. Quando você se pega imaginando coisas boas que poderiam ter acontecido e não aconteceram, a primeira reação é olhar para o seu presente e criar lamentações, só porque as coisas não são do jeito que você imaginou que poderiam ser. Isso é um processo de “quase insanidade”, um processo auto-destrutivo.
Interrompa, interrompa e interrompa a dor emocional. Pergunte-se: como eu posso lembrar destas coisas sem me machucar emocionalmente? Investigue a resposta. Corra atrás. Leia, converse, busque um profissional de humanas para te acompanhar no processo.
Quando você pensa sobre o que passou, é só fumaça que acontece dentro da sua cabeça, não existe nem nunca existiu. Ao mesmo tempo, existe, porque o seu cérebro não distingue muito bem o que é real do que não é. Pra deixar mais claro: quando você imagina ou lembra alguma coisa, você está aplicando um truque no seu cérebro, em que ele reage como se tudo estivesse acontecendo naquele momento.
Você precisa reverter esta equação. E para reverter tudo, vai precisar entender qual é o SEU padrão de assombração.
Eu sei que experiências trazem bagagem. Mas essa bagagem é conhecimento, e conhecimento não é peso, muito menos emocional. Pergunte-se o tempo todo quais são os motivos pelos quais você pode se sentir satisfeito pelo seu passado, e aí sim, você estará aplicando um princípio poderoso, que aumentará sua satisfação e, portanto, sua saúde.
O processo pode parecer bobo, mas quer saber? 99% das pessoas o conhecem mas nunca o aplicaram. Se você acha que isso é óbvio e mesmo assim mudar a sua perspectiva ainda complicado, por favor, visite-se com mais seriedade. Você merece.
Todos nós fomos presenteados com uma uma vida que tem o potencial de ser longa e plena, e ela começa através da conquista das nossas melhores emoções. Pra você, desejo uma vida excelente, cheia de potenciais.

http://espalheoamor.com.br/como-definir-rumos-radicalmente-melhores-pra-sua-vida/

QUER SABER COMO ME SINTO?



AMOR NÃO SE ESCOLHE, ACONTECE



sexta-feira, 27 de julho de 2012

FRASE DO FERNANDO PESSOA


"Se escrevo o que sinto é porque assim diminuo a febre de sentir. O que confesso não tem importância, pois nada tem importância. Faço paisagens com o que sinto.”


Fernando Pessoa


quinta-feira, 26 de julho de 2012

SABE O QUE DÓI?


FRASE DE PABLO NERUDA

Esta frase mexeu comigo profundamente!
É nisto que eu acredito, que sinto
Roberta Carrilho


IGNORE, MUITA GENTE NÃO SABE SER FELIZ, E QUER QUE VOCÊ TAMBÉM NÃO SEJA



A VIDA É UM ECO SE NÃO ESTÁ GOSTANDO DO QUE ESTÁ RECEBENDO OBSERVE O QUE ESTÁ EMITINDO.



NINGUÉM CRUZA NOSSO CAMINHO POR ACASO E ...



FRASE INTERESSANTE!



domingo, 22 de julho de 2012

LEONINA COM ASCENDÊNCIA EM AQUÁRIO = EUZINHA

Continuando ...




Em geral são bondosos e tranquilos por natureza, não obstante gostam de desafiar a opinião pública, e secretamente ocasionalmente se deliciam em chocar as pessoas mais convencionais com o comportamento ocasionalmente excêntrico. Estes indivíduos normalmente corteses podem-lhe provocar um súbito curto-circuito com as afirmações e ações mais espantosas nas ocasiões mais imprevisíveis.

Seus pés podem estar calçando sandálias,botinas, sapatos de amarrar ou chinelos de palha, e raramente ele se preocupará em saber se são apropriados para a ocasião. Se preferir, ele pode aparecer de pés descalços, e vai rir de você por estar rindo dele. Não raro, adotam deliberadamente um estranho modo de vestir para demonstrar sua repulsa ao conformismo.

A política o fascina, os esportes o absorvem e as crianças o intrigam. Mas o mesmo acontece com os cavalos, os automóveis, os velhos, as descobertas médicas, os autores, os astronautas, os alcoólicos, os loucos, os esquisitos, os pianos, os cata-ventos e os rezadores.

Procure uma expressão estranha e distante nos olhos, como se eles estivessem uma espécie de conhecimento mágico, misterioso, que você não é capaz de penetrar. Os olhos são muito expressivos e o cabelo é frequentemente liso, sedoso; a pele é pálida e em geral ele é mais alto do que a média. Você notará um perfil marcadamente nobre. As feições de Urano são delicadamente modeladas, sugestivas dos imperadores romanos cunhados nas antigas moedas de ouro. Raramente esses indivíduos adotam a atitude de curvar a cabeça quando estão pensando num problema, ou logo depois de terem feito uma pergunta. A cabeça cai subitamente para a frente, ou inclina-se para um dos lados, esperando por sua reação. Curiosamente, graças à dupla sexualidade de Urano, não raro existem características femininas nos corpos masculinos, como cadeiras largas, por exemplo - e características masculinas nos femininos, como ombros largos.

Até o fim estão sempre analisando situações,amigos e estranhos. Pode ser desconcertante quando eles fazem perguntas incisivas, sem o mínimo tato, à medida que sondam o âmago de seus mais íntimos sentimentos. Ao descobrirem que o enigma, no fim de contas, não era tão complexo, entediam-se e às vezes até se aborrecem. Nada é mais insultuoso do que um leonino com ascendência em aquário se cansar do seu jogo de exame microscópico e voltar-se para a próxima pessoa interessante, logo quando ele convenceu você de que o acha o ser humano mais importante da Terra. Dói.

Sobre o uraniano pende uma singular espécie de isolamento, e não raro ele é mal-compreendido pela humanidade. Isso porque a humanidade ainda não apreendeu a utopia desse signo. Já que vive no futuro, retornando ao presente apenas por breves instantes, pode parecer meio esquisito para as pessoas mais mundanas. Ele o percebe, e isso aprofunda seu sentimento de isolamento. Mas, na opinião dele, só porque os outros não podem acompanhá-lo, isso não é motivo para que ele volte. A Astrologia nos ensina que "Daqui a cinquenta anos o mundo pensará como eles pensam". 

Este signo solar é conhecido como o signo do gênio, e assim é, já que mais de setenta por cento das pessoas que se acham no pedestal da fama são ascendentes de aquarianos. Por outro lado, uma boa porcentagem dos que se acham confinados nas casas de saúde de doenças mentais, ou que visitam regularmente o analista, é também ascendente de aquário. Diz-se que há uma linha muito tênue entre o gênio e o louco, e seus amigos uranianos podem muitas vezes fazer com que você fique imaginando de que lado da linha eles estão.

Naturalmente, um ascendente de aquário não confia nas pessoas senão depois de escrutinizar seus motivos, e até sua alma, se possível. É fácil ficar impaciente ante a análise atenta que ele faz de todos os seus gestos e palavras. Você tem a impressão de que tudo está sendo catalogado para futuras consultas por aquela mente penetrante, e está mesmo. De vez em quando, ele pode parecer que está sonhando, mas não acredite. Provavelmente ele lhe dirá quantas pestanas você tem. Nunca espere que o uraniano o avalie pela aparência. Sua inata cortesia não o impedirá de varrer você com um farol, dos pés à cabeça. Ele quer saber o que se acha por trás daquele rosto e poderá fazer perguntas muito embaraçosas para descobrir. Mas é gratificante saber que, uma vez aceito, ele será um amigo fiel, e que nenhum mexerico abalará sua amizade. Se você for realmente seu amigo, ele não acreditará na maledicência de seus inimigos, embora sem dúvida a escute por simples curiosidade. No entanto, fique certo de que é ele quem decidirá em última análise.

O poder de concentração de Urano pode ser terrível. No entanto, são capazes de captar as coisas que acontecem à sua volta ou atrás de si quando querem, como uma tela de radar. São capazes de manter uma complexa discussão sem perder nenhuma inflexão do que está se passando na outra parte da sala, se decidirem sintonizar-se com ela. Às vezes você é capaz de jurar que ele não está prestando a mínima atenção ao que você está dizendo, mas no dia seguinte ele lhe repetirá tudo como se fosse um gravador. 

Jamais subestime o processo uraniano de colher os conhecimentos enquanto parecem estar alheados, mesmo que de vez em quando pareçam absortos em concentração.

O homem ou a mulher com ascendência em aquário o que eles pensam é sempre uma pista para o futuro. A fantástica habilidade de Urano em mergulhar no desconhecido e absorver segredos místicos sem muito esforço leva a uma singular espécie de intuição que lhes confere um alto grau de precognição psíquica. Quase todos têm uma espécie de sensibilidade ímpar que lhe permite conhecer os seus desejos mais íntimos. 

Sem falar, ele compreende suas necessidades tão profundamente enterrada que você mesmo que nem você se dá conta dela. 

Usando aquela osmose mágica, ele podem transmitir seus próprios pensamentos com uma carga invisível de corrente elétrica. Mesmo quando está de costas, ele é capaz de projetar sensações fortes por meio desse método estranho. 

Eles são astutos demais para se enganar durante muito tempo com causas perdidas. Ele sabe que muitos dos sonhos são ilusões. A tradição, conservadorismo e a autoridade não o impressionam. Polidamente, ele as respeita, mas não refreia sua compulsão em descobrir enganos, distorções e presunções ilógicas.

Os ascendentes de aquários desprezam a mentira e a fraude, e evitam tomar emprestado ou emprestar. Dar-lhe-ão dinheiro de presente, mas não lhes peça emprestado. Eles cumprem o que prometem e pagam suas contas, e esperam que os outros façam o mesmo. Normalmente comprar fiado não os excita, mas os cartões de crédito os assustam. 

As mulheres possui toda a fidelidade dos signos fixos quando está amando. É possível manter um relacionamento agradável com a mulher de Urano, se você deixá-la entregar-se aos seus milhões de interesses e circular livremente entre seus amigos. 

Jamais tente amarrá-la ao fogão ou no pé da cama. Elas insistem em serem livres, mas seu devotamento a quem aceite o amor dentro dessas linhas é ILIMITADO. Eis uma coisa que você vai gostar: ela NÃO ESTARÁ terrivelmente interessada em sua conta bancária, a não ser que tenha um ascendente em CÂNCER, CAPRICÓRNIO OU TOURO. O dinheiro nunca é o principal para a típica mulher ascendente de aquário. Ela não se importa que você não seja o homem mais rico da cidade, mas espera que, de algum modo, seja respeitado por seus feitos intelectuais.

O código de ética dela pode ser mais estranho do que tudo o que você já viu, e muito diferente dos que são aceitos pela sociedade, porém, ela vive totalmente de acordo com ele. 

Ela compreenderá que você tenha suas próprias regras que podem ser também altamente pessoais. Isso é ótimo da parte dela, porém não transija com aqueles regulamentos.

Se você está procurando uma flor de paixão, colheu a margarida errada. A paixão não é seu forte. Ela achará o amor físico bastante agradável, se não for enfatizado demais. Em outras palavras, ela pode aceitá-lo, ou deixá-lo. 

As mulheres de Urano podem reagir ao ato do amor com uma intensidade obsedante e profunda, mas se você preferir mantê-lo platônico por longos períodos de tempo, tudo estará bem. Ela pode alimentar um medo inconsciente de que o desejo por uma pessoa aprisione de algum modo o espírito, e a impeça de ser leal ao seu único grande amor - a liberdade. Liberdade para experimentar e investigar e liberdade para dedicar tempo à humanidade. E liberdade também para perseguir suas estranhas fantasias.

Ela é a mulher ideal, se você está planejando uma carreira política, científica ou educacional. Você não podia querer melhor. 

Aqui e ali, encontram-se algumas mulheres uranianas bastante selvagens. Porém, a média constitui uma delícia social. Ela é graciosa, espirituosa, brilhante e extremamente adaptável a todas as classes da sociedade, alta, baixa e média.

A mulher tipicamente ascendente de aquário não alimenta suspeitas de infidelidade ou mentiras em circunstâncias normais. Se ela o apanhar numa infidelidade ou mentira, ficará profundamente ferida em sua natureza sensível. Você perceberá isso no momento em que mirar aqueles estranho olhos sonhadores

Porém, não suspeitará sem razão, e raramente duvidará de sua palavra. A mulher típica não vai bisbilhotar depois que você sair, telefonar para o escritório, examinar seus lenços à procura de manchas de batom ou checar se há fiapos de cabelos louros presos nas abotoaduras. 

A prova da infidelidade terá de ser muito evidente para despertar sua atenção; não será ela quem vai procurá-la. Antes de dar-lhe muito crédito, considere que a ausência de ciúme apaixonado por parte dela é devida a algo mais do que a força do caráter. Primeiro que tudo, provavelmente dissecou sua mente sob um microscópio antes de lhe dar um segundo olhar. Além disso, tem tantos interesses exteriores e tanta gente com quem falar, que não lhe resta muito tempo para se preocupar com o que você está fazendo quando não se acha à vista. Não estar diante de seus olhos muitas vezes significa, para elas estar fora dos seus pensamentos. 

Por outro lado, sua força moral atuará na primeira prova real de infidelidade. Ela simplesmente irá embora. Não tente soprar as brasas, pois estarão frias, completamente apagadas. Existe uma única e notável exceção à regra, a mulher ascendente de aquário se lembrará do primeiro amor verdadeiro e sincero por toda a vida. No entanto, apenas do primeiro. Está imaginando se aquela garota que você conheceu uma vez ainda se lembra de você? A resposta repousa no que ela define como amor.

São raras as mulheres de Urano que se envolvem em casos extraconjugais. Podem ser tentadas em situações excepcionais, mas um relacionamento desonesto é contra sua química. Não levará muito tempo para que um romance secreto seja rompido definitivamente. 

No entanto, há muitas mulheres com ascendência em aquário separadas. Existe uma razão. Se uma situação se torna intolerável, a índole uraniana esfria subitamente. Elas podem desaparecer da noite para o dia, sem olhar para trás.

Não gostam do divórcio, nem buscam. Gostam e fazem tudo para manter a família unida. Ela gosta de famílias grandes, de almoço de domingo com todos a mesa. Adora estes momentos familiares. Faz questão das regras de boa educação a mesa. Não tolera deselegância nestes momentos familiares que para ela são sagrados. Muito sagrados. Piadas de mal gosto ou comportamento desleixado ela encara como uma afronta pessoal, total desrespeito a ela e a família. É intolerável para sentir a vontade. Sai da mesa ou fecha a cara e fica o resto do dia calada de mal humor. Faz questão de compor a mesa com todos os detalhes e beleza que puder. 

Elas sondam seu coração até não haver mais nenhum segredo ou sonho que não tenha sido analisado. Mas não procure dissecar os pensamentos privados dela. Não é assim que se joga com elas. Ela conservará seus motivos ocultos, e algumas vezes experimentará uma perversa satisfação em confundi-lo deliberadamente.  

Em geral ela será fiel ao extremo, mas lembre-se, com uma mulher ascendente de aquário MENTIR É UMA COISA, E DEIXAR DE CONTAR TODA A HISTÓRIA É OUTRA

É confortador saber que a moça com ascendência em aquário é muito cuidadosa até com dinheiro. Confortador saber desde que você não esteja pretendendo pedir-lhe um empréstimo. Ela pode dizer sim uma ou duas vezes, mas se deixar seu crédito cair, pode ficar mais fria do que o cara no banco quando deixa de pagar uma prestação do carro. 

Nas raras ocasiões e que ela própria aceita um empréstimo, devolverá cada tostão sem quaisquer pretextos ou astúcias femininas para deixar de fazê-lo. Quanto a crediários, que são o pesadelo do homem, você pouco terá com que se preocupar. As mulheres com ascendência em aquário não gostam de dever dinheiro. As dívidas não se encaixam no código de Urano.

A média dessas mulheres podem se assustar com a maternidade. Elas têm que se ajustar a devotar toda a sua atenção e energia exclusivamente a um ser humano por um período de tempo, quando está habituada a se difundir por toda parte, e isso pode exigir uma certa prática. Seu natural alheamento pode tornar difícil para elas demonstrarem uma afeição mais calorosa ou exclusivista. 

A mulher com ascendência em aquário é devotada ao filho, porém, ao mesmo tempo, um tanto desinteressada dele, mas se ela tiver afinidades passará horas e horas junto do pupilo e nada trará mais alegria se for correspondida. Mas, provavelmente, será a mais solícita trabalhadora da Associação de Pais e Professores da vizinhança. Ela se sentirá feliz em falar durante horas com os amiguinhos deles numa linguagem própria para suas idades, sem querer se mostrar superior, e abrirá mão de suas tardes para se dedicar a um projeto da escola. Observando-a as crianças aprenderão lições de fraternidade e humanidade. 

As mães nunca são extremadas na proteção dos filhos. Toleram indulgentemente a mais espantosa das confissões. Uma mulher de Urano raramente castigará o filho por lhe dizer a verdade, seja o que for que ele tenha feito. Ela é bem compreensiva, mas se pegar falando mentiras ou desobedecendo ela não exitará em colocá-lo de castigo ou restringir suas brincadeiras ou tirar o que mais gosta para distrair sem qualquer tipo remorso até que o filho reconheça o que fez e explique muito bem o motivo e porque está arrependido. Caso contrário manterá firme a decisão. A ausência de preconceitos em seus pontos de vista fará com ela adquira a completa confiança dos pequenos através desta conquista da confiança. Ela ensinará com seu exemplo. 

Ela é formidável quando se trata de reanimar as jovens mentes sobre qualquer coisa, desde o medo de monstros escondidos embaixo da cama, até a dor de ser ignorado no recreio. Seus filhos a acharão muito engraçada, um tanto atabalhoada, relaxada quanto ao serviço de casa, útil nos deveres escolares e solícita quando estão doentes. 

É possível que, mesmo depois de ela haver falado três vezes: - lave as mãos, porém ela está muito mais interessada no que ele aprendeu na aula de ciências sobre a importância de lavar as mãos. 

Antes de se tornar uma mãe, uma mulher com ascendência em aquário tem que ser esposa. E antes de se tornar esposa, você tem que convencê-la de que casamento não é sinônimo de Alcatraz. Ela não correrá para o casamento. Não tem nenhuma pressa até haver pesado e testado você, e descobrir o que o faz vibrar.  

A opinião dos amigos e da família pouco lhe importa, embora ela possa pedi-la apenas para saber o que pensam de você, por mera curiosidade. Ela tem seus próprios padrões para avaliar você. Admitindo que passe no teste, o casamento com uma mulher dessas pode ser um tanto confuso. Ela ouvirá com muita satisfação quando você lhe der um conselho, mas existe algo na estrutura íntima dela que a impede de seguir explicitamente as indicações. Ela pode não se ater à receita ao preparar aqueles pudins de claras e tampouco estacionar o carro exatamente onde você lhe disse. Mas exibirá um sorriso alegre, prosseguindo suavemente em seu caminho. Há uma necessidade imperiosa e constante de experimentar uma nova maneira de fazer as coisas. 

Ela ficará muito satisfeita em deixar que você lhe segure a mão e caminhe ao seu lado, enquanto ela contempla com delícia o nascer do sol, um edifício, etc. Mas não a distraía com demasiado agarramento. Deixe-a vagar sozinha pelo país das maravilhas, quando ela assim preferir, e ela nunca discutirá seus jogos de cartas com os rapazes. 

As maneiras mais rápidas de perdê-la são mostrar-se ciumento, possessivo, mandão, extremamente detalhista, cheio de preconceitos, ser crítico, enfadonho ou ultraconservador. Você também terá de gostar dos amigos dela, que surgirão, esquisitos, em grupos de todos os tamanhos e formas. 

Ela é uma sujeita de uma intuição notável. No início, seu julgamento pode não parecer preciso ou prático, porque ela enxerga meses e anos adiante. A mulher de Urano vive no futuro, e você só pode ir até lá através dela. O que ela diz, se torna verdade, talvez depois de muitas demoras e problemas, mas acaba acontecendo. No fim de contas, suponho que isso é o que há de mais especial sobre essa mulher. Ela é um pouquinho mágica.

Livro: Seu futuro Astrológico 
Autora: Linda Goodman (autora dos best sellers 'Os astros comandam o amor' e 'Signos estelares').
Editora: Nova Era

Leiam também: 


ESCRITO NAS ESTRELAS MEU MAPA ASTRAL 
Obs.: MINHA ASCENDÊNCIA ESTÁ ERRADA ACHO, PORQUE EU PENSAVA QUE TINHA NASCIDO ÀS 8 HORAS E NÃO 16H30MIN QUE É O CORRETO - FAREI OUTRO 
http://robertacarrilho-div.blogspot.com.br/2010/09/escrito-nas-estrelas-meu-mapa-astral.html


SOU DO SIGNO DE LEÃO E MEU ASCENDENTE É AQUÁRIO = MISTURA PORRETA!!




sábado, 21 de julho de 2012

SOU DO SIGNO DE LEÃO E MEU ASCENDENTE É AQUÁRIO = MISTURA PORRETA!!


Eu (Roberta Carrilho) em São João Del Rei 
Réveillon 2013 



Nesta encarnação eu nasci no dia 08 de agosto de 1972 às 16h30 - Divinópolis - Minas Gerais - Brasil. 

Portanto, meu signo é Leão (signo solar) e meu ascendente é Aquário. 

Veja o que eu descobri sobre minha personalidade conforme os astros. Ah! Detalhe quero esclarecer que eu não me importo com as eventuais críticas dos céticos radicais... eu gosto e é o que realmente importa. Eu gostar! Cada um tem o livre-arbítrio em acreditar, gostar ou não! Porque eu acredito na força dos astros exercem sobre nós.
Roberta Carrilho


VAMOS PARA MINHAS DESCOBERTAS?
22 de julho a 22 de agosto (120º à 150º)

“EU SOU” – “EU QUERO”

Análise de: ROBERTA CARVALHO CARRILHO
Leão por Leão .... sem ascendência

Um líder até na hora de amar...
O signo de Leão é o domínio do Sol; ali Saturno e Urano tem seu exílio e Plutão está exaltado; segundo alguns autores, é também o signo de queda de Mercúrio. 

Ao Sol, centro do sistema solar, é atribuída, na astrologia tradicional, a fase da vida correspondente à maioridade, ao início da idade adulta. É o período em que desabrocham plenamente as ambições pessoais, em que se firma o conceito de autorrealização; a identidade já deve ter um centro próprio, deixando para um segundo plano a fase em que a pessoa absorve informações, conceitos e crenças de seu ambiente e passa a manifestá-los através de sua vida. 

O Sol está relacionado com a consciência, a vontade, a autoridade, as pessoas de destaque, o sucesso, o outro, e sente-se à vontade neste signo de afirmação, de individualização, de realização. Vale a pena fazer aqui uma pequena digressão para esclarecer um aspecto muitas vezes mal compreendido da astrologia: o Sol, em astrologia, tem uma forte correspondência com “vontade” e “realização pessoal”. 

Mas isso não significa que vontade e realização pessoal só estejam presentes neste signo – se assim fosse, os que nasceram em Libra ou Aquário, por exemplo, onde o Sol está em exílio e queda, estariam condenados a uma vida de insignificância. A observação mais superficial se encarrega de demonstrar que tal hipótese está bem longe da verdade. 

A regência de Leão pelo Sol significa que este signo é o que melhor corresponde à manifestação mais característica, natural, sem esforço, da vontade pessoal, do desejo de ocupar espaços, de fazer as coisas com sucesso. 

Leão é um signo de administração e organização; porque então Saturno, que também prima por estas características, está mal colocado aqui? Saturno e Leão agem de formas diferentes, mesmo que o objetivo visado seja igual. Onde Saturno é discreto e reservado, Leão é expansivo e extrovertido; onde Leão é impaciente, Saturno conta com o tempo. Saturno respeita a estrutura vigente, e sob este aspecto é igual a Leão – a diferença é que, ao contrário das regras de Saturno, as de Leão talvez tenham sido recém-inventadas, por ele mesmo, logicamente... É claro por que esse não pode ser o terreno mais propício para Urano, fortemente associado ao século das luzes, ao predomínio da razão – pois nem sempre o que queremos coincide com que a razão nos sugere! 

Este também é o motivo por que Mercúrio, planeta de raciocínio e frieza, está longe de casa em Leão, signo de paixões e arrebatamentos.  

Quem nasce sob esse signo, encontra a evidente prevalência de um ambiente masculino, em que o personagem paterno é mais do que uma pessoa, é um mito, um verdadeiro rei. Neste caso, deve-se considerar que um filho de um rei é um príncipe ou uma princesa, para quem é negado o lado menos nobre da vida, e de quem é exigida uma conduta impecável e superior, evidentemente, isso tem o seu lado positivo, pois quem sente sobre os ombros este tipo de exigência tem grandes chances de se tornar uma pessoa bem sucedida. 

Acontece porém que como todo ser humano, quem é desse signo, também tem suas fragilidades, e nem sempre conseguem sustentar esta sua postura de superioridade. 

Afinal, quem é que não gosta de ser cuidado e protegido de vez em quando, em lugar de ser sempre o protetor? É muito difícil viver sem poder mostrar fraqueza, porque uma figura interior está exigindo uma postura de superioridade, isso explica em grande parte certas atitudes desagradáveis tão típicas das pessoas desse signo. 

Tem consciência de si, é certo de sua personalidade. Vai se apresentar ao mundo de forma dramática, firme ou arrogante para ganhar o reconhecimento social e conquistar o lugar que acha merecer. Luta para ser o centro das atenções, sente-se como líder ou autoridade. Afinal é o rei, tem a sua dignidade e o seu orgulho, não pode ser comparado a qualquer um, está ai para ser destaque, a glória é mais importante do que o dinheiro. Mas isto lhe traz um problema, aquele que é o centro das atenções, acarreta inveja e oposição, e isto aborrece o Leão, que quer ser amado por todos. E para que esconder que isto lhe incomoda, passa a ostentar, a gastar, a fazer grandes gestos, etc.

Passa ter a sua sombra, o complexo de poder e de divindade, daí a tirania, o despotismo, a teimosia. Mas o Leão satisfeito é uma das coisas mais belas de se ver, brilha como o Sol radiante e aquece quem está perto. É gentil e cavalheiro, generoso, idealista, simpático, protetor, sabe tomar decisões. É liberal por que sabe que tem muito a oferecer, esperando de volta gratidão, devoção e lealdade. Encontrar um nativo deste signo apaixonado não é raro, mas como ele comanda bem os assuntos do coração, não é difícil vê-lo transformar uma paixão em um amor seguro e sossegado, e apesar de amar com intensidade, é mais fácil vê-lo dominar a situação do que ser dominado. 

Auto-suficiente e seguro de si mesmo, gosta de ser tratado como um rei. Não como um autoritário, mas como um rei amado. Para tanto é gentil, generoso, simpático e protetor. Com o seu brilhantismo, costuma atrair as pessoas. É extrovertido e radiante, enchendo de vida todo ambiente onde se encontra. É o centro das atenções, com alto grau de dramaticidade e criatividade. Companheiro fiel e dedicado, o leonino é capaz de relacionamentos intensos e calorosos. É o signo da radiância. 

O leonino é uma pessoa muito viva e expressiva. Existe uma marca pessoal em tudo o que faz, tem muita personalidade, adora elogios, é generoso e facilmente consegue potencializar a atenção dos outros. Mas tem que ter cuidado com o autoritarismo e o orgulho. Também pode ser muito egoísta e exagerado. 

Dinamismo: Grande capacidade de dirigir e aplicar a um fim determinado (fixo), toda a força e energia disponível (fogo), tornando-se centro (Sol) de irradiação de calor (predominância do quente), que atuando diretamente sobre um mundo concreto (masculino) expressivo (quente), leva o sujeito a condição de ter onde buscar o poder, o comando, a glória, o brilho, o grande gesto que impõe respeito e autoridade sem distorções nem ambivalência (Sol). Entretanto, não raro, esta supremacia pode inflar-se ultrapassando os limites da auto consciência ou da consciência moral (exílio de Saturno), facilmente transformando-se em poder dogmático, frio e inflexível, ou em tendências à concorrência e o arrivismo, ao exibicionismo dramático, a extravagância, ao empolamento e a busca de uma glória utópica. 

Os conflitos são estruturados num nível de posse e poder (cruz fixa), enquanto que as soluções podem ser estruturadas num nível de conquista (Áries) de uma superioridade (Leão) espiritual (Sagitário). Existem dois tipos de leoninos: 

Tipo A: “tipo realista”, Marte e Júpiter dominantes. O poder se exerce horizontalmente, levando a grandeza material. 

Tipo B: “tipo apolíneo, idealista”, Sol, Saturno e Urano dominantes. O poder se exerce verticalmente, levando a grandeza espiritual e artística.  (eu sou mais tipo B)

Tarefa: A ti Léo, atribuo a tarefa de exibir ao mundo Minha criação em todo o seu esplendor. Mas deves ter cuidado com o orgulho e sempre lembrar que é Minha a criação e não tua. Se o esqueceres, serás desprezado pelos homens. Há muita alegria em teu trabalho, basta faze-lo bem. Para isso Eu te concedo o dom da honra. 


ACENDENTE EM AQUÁRIO (eu)
Diplomata excêntrico, descobridor e inventor da vida, este ser passa a brilhar nos grupos, nas relações sociais e tem grande talento para ensino e aconselhamento. Atividades que externalizem sua força dramática e criativa são altamente benéficas. Magnetismo, pacifismo, simpatia. Tipo ativo, que realiza e quer ver resultados. No amor, espaço privado e respeito pela liberdade individual se alternam com momentos de entrega e romantismo. Alem do sol, observe também a posição natal de Saturno, planeta regente do ascendente, para um delineamento mais preciso.

Mercúrio, planeta da comunicação, sente-se à vontade em Aquário, signo de lucidez e transparência. 

Quanto ao Sol, seu exílio no signo de Aquário não deve ser mal interpretado. O Sol é considerado como a consciência, a individualidade que brilha, a defesa do próprio interesse. Em exílio no signo de Aquário, o Sol de cada personalidade aquariana continua brilhando, porém de uma forma que respeita o brilho de todos os outros sóis de todas as outras personalidades.

Quem é desse signo vive uma situação singular no que diz respeito a seus modelos interiores de pai e mãe. A prevalência paterna é forte, mas ao mesmo tempo a como que uma ausência do personagem masculino na vida dessa pessoa. É como se o pai fosse extremamente importante, mas a tivesse abandonado em algum momento da vida. Ou então que esse pai fosse egoísta, preocupado com ele mesmo ou com os problemas do mundo, sem tempo para dedicar afeto ao filho ou a filha.

Justamente por causa deste modelo forte e ausente, ao mesmo tempo, a pessoa desse signo se propõe a buscar o contato exterior, ou seja, masculino, com particular veemência. É por isso que é normalmente uma pessoa tão sociável, tão participante, tão ativa. Tudo numa tentativa de descobrir a realidade que é esse pai, com seus defeitos e virtudes.

Em questões de amor, este signo não é muito previsível. É fácil encontrar este nativo apaixonado por uma amizade, apesar de amar radicalmente a pessoa com quem convive, no entanto, é uma excelente pessoa para viver um amor cheio de surpresas. O progresso é o principal objetivo dos aquarianos, não há limites para sua criatividade e originalidade. Idealista, o aquariano está sempre ligado e preocupado com as questões, sociais, políticas e ecológicas.  Muito inteligente e criativo, tem o dom de captar as coisas no ar. Curioso e brilhante costuma ter posições de destaque. Preza muito a sua individualidade. É o signo da liberdade. 

O aquariano é uma pessoa completamente sociável, possui uma cabeça ágil e por vezes, tem ideias geniais. Sua mente irrequieta pode gerar certa ansiedade. É surpreendente, inconvencional e trabalha muito bem em equipe. Um pouco excêntrico, tem mania de ser o dono da verdade, por isso, cuidado para não ser radical demais nas suas opiniões. 

Dinamismo: Grande capacidade para estabelecer uma comunicação (ar) objetivada (fixo), que resiste às flutuações do meio (fixo), bem como estabelecer relações estáveis, fixas numa determinada direção (ar e fixo), comunicação e determinações estas, estabelecidas com uma certa exaltação e calor (predominância do quente) que frequentemente revela uma instintiva necessidade de se liberar dos valores autorizados e autoritários da sociedade (exílio do Sol), necessidade esta que inconscientemente leva o sujeito a reagir contra a condição externa do mundo (masculino), seja através de um comportamento inovador, autêntico, inteligente e fraterno (Urano), seja através de um comportamento rebelde, fanático (fixo), explosivo, excêntrico (Urano) e aborrecidamente imprevisível (falta do Sol). 

Constante necessidade de idealizar (exílio do Sol) os valores tecnológicos (Urano) e lógicos (Saturno) como uma das alternativas de se inserir misticamente no mundo e como que por um mecanismo de projeção sensibilizar-se com tudo que leva à mudança entre os homens, seja socialmente ou individualmente; resulta daí uma auto-estima vivida com relativa indiferença, pois está em jogo a sensação que sua vida fundamenta-se num dever maior atribuído àqueles que dentre os chamados foram escolhidos. 

Portanto o sujeito vive num estado constante de criação e de invenção, onde o sentimento e a inteligência misturam-se de tal modo que podemos afirmar que ele pensa com o coração e sente com o cérebro, o que lhe dá uma relativa capacidade de intuição e predição, que não raro o liga com as circunstâncias atuais, desencadeando consequentemente mudanças repentinas, se não nelas próprias, ao menos na forma delas serem vistas. 

Como Aquário é o oitavo signo de Câncer, a independência está sempre sendo proclamada. Os conflitos são estruturados num nível de posse e poder (cruz fixa), enquanto que as soluções podem ser estruturadas num nível de compreensão de uma relação equilibrada e justa (trígono do ar). 

Existem dois tipos:

Tipo A: “Tipo sabedoria”, Saturno forte, emoção fixa, disposição para viver acima das coisas, as vezes um pouco distante da realidade, numa atitude coadunante com seu idealismo, a margem das necessidades instintivas num mundo feito de sensações, que revelam uma natureza extra pessoal e pouco prática. (sou mais este tipo)

Tipo B: “Tipo aventura”, Urano dominante, disposição para viver como se a existência fosse uma aventura, portanto, inadaptação, excentricidade, originalidade, rompimentos com a rotina, com as pessoas, com as convenções, recordes, natureza revolucionária e rebelde.

Inovação, cooperação e revolução são as palavras que melhor definem seu gênio irrequieto. Por onde passar o aquariano estará procurando quebrar as regras, e incitar a anarquia. Ao seu ver, a liberdade e a espontaneidade são uma das poucas coisas que realmente precisam ser incutidas na mente das pessoas.

Aquarianos gostam de trabalhar em grupos. Acreditam que cada um tem potencial próprio, independente de cor, credo, sexo ou idade. Mas ao mesmo tempo são extremamente individualistas. Abominam qualquer espécie de prisão, principalmente emocional.

Não chegam a ser frios como os nativos de capricórnio, mas emoção também não é seu forte. Seus ideais de fraternidade e igualdade baseiam-se sobretudo na racionalidade. Isso adquire às vezes uma coloração curiosa: o aquariano será capaz de insistir em fórmulas ideológicas utópicas ou impraticáveis, sem conseguir pensar nas questões mais básicas e subjacentes ao problema. Esse distanciamento da realidade é um risco constante em sua vida. A realidade lhe parece tão brutal, que ele pode rejeitá-la como um todo, recusando-se a ver nela algo de bom. Sua atitude chega perto da de um adolescente imaturo, cuja única diversão é contrariar a ordem preestabelecida.

São indivíduos bastante liberais. Costumam ter muitos amigos, e apreciam ficar várias horas ao seu lado. Não é incomum tratarem seus próprios parceiros amorosos como amigos, sem lhes dar qualquer privilégio adicional por estarem com eles dividindo a cama. 

São visionários, sempre a olhar para o futuro, debochando do passado e ignorando o presente. Às vezes tornam-se tão aéreos (ar é inclusive o seu elemento), que as pessoas os consideram loucos, esquisitos e excêntricos. Sem contato com o mundo real, o aquariano se embevece com seus altos vôos e pode condenar a si mesmo, como Ícaro. 

Na mitologia, o signo é representado ora por um jovem, ora por um velho. Ambos trazem uma ânfora cheia d’água, que derramam ao solo. A imagem simboliza a capacidade do aquariano de trazer novas idéias ao mundo. O inconsciente flui através de suas mãos, tornando-o instrumento para a busca de soluções originais e descobertas transformadoras.

Depois de ter construído algo na sociedade, chega a vez de consolidar o conhecimento de tudo o que foi construído para um grande número de pessoas. E assim chegamos, outra vez, ao último signo fixo da seqüência zodiacal, o Aquário, cuja função é encontrar os meios mais racionais para que a maior quantidade possível de pessoas possa, igualmente, usufruir de tudo o que foi criado no Capricórnio.

Além disso, é o signo fixo que usa a racionalidade e confia na mentalidade das pessoas enquanto coletividade, age para essa coletividade muito mais do que em relações interpessoais. Ao contrário do signo oposto, leão, Aquário almeja a fragmentação do poder central e a impessoalidade, a seu ver único jeito de ser justo e racional. Daí, a grande inclinação a incorporar as novidades tecnológicas que possam libertar o ser humano da prisão que as estruturas criaram, pela própria existência.

Amante da humanidade, o Aquário ainda assim é um solitário, que antevê o futuro do que ainda não foi inteiramente criado mas que já pode ser pensado e inventado. Para ousar inventar, precisa ter a mente aberta ao novo, a tudo que significa a mudança de um padrão atual para outro, que ele julga sempre ser melhor. 

Signo da produção em série, da moda e das ideologias reformadoras, Aquário trata de igual para igual o mais humilde e ao mais importante membro da sociedade humana, pois percebe em cada um deles a única humanidade que ambos possuem em comum, e em prol da qual é capaz de comprar as brigas mais feias e acabar sofrendo a perseguição dos mais conservadores.

O aquariano acredita no que pode compreender e busca razões até mesmo para as emoções, um campo complicado em sua vida, pois muito distante de seu jeito de encarar a vida. Aquário precisa de espaço para ir e vir, trocando informações, pois é signo de Ar, portanto é sociável. Trata amigavelmente a todos, sem se fiar em ninguém e preza demais sua liberdade, a vida ao ar livre, onde possa exercer sua lógica fria e inovadora, sem estar amarrado às razões afetivas que, ao seu ver, anuviam o julgamento límpido. 

Aquário quer ser diferente, mas odeia ser encarado como diferente, quer ser o igual entre os iguais, a tal ponto que pode se tornar errático e autoritário quando não vê esse seu desejo inato ser atendido.

Na saúde, Aquário governa os tornozelos e o sistema nervoso periférico, sendo este o seu ponto de maior vulnerabilidade, pois apesar de adotar um estilo de vida frenético e ousado, nem sempre tempera bem sua necessidade mental com os limites orgânicos, advindo daí alguns desequilíbrios. 

Nas profissões, o Aquário está na linha de frente da empresa de montagem de tecnologia de ponta, colocando sua mente aguda a serviço da inovação, antes de mais nada tentando descobrir um jeito de fazer com que o maior número de pessoas tenha acesso as descobertas científicas. Também na política, com suas idéias francamente revolucionárias, que até mesmo podem chocar os mais conservadores, embora preze a democracia enquanto ideal, pois muitas vezes acaba resvalando em uma atitude autoritária e dominadora, cruel até, pois movida pela mente e sem nenhum sentimento.

Apesar de pacífico, o Aquário chega a propor e defender soluções violentas para os problemas sociais. Na melhor das hipóteses, Aquário é um inventor, alguém que está sempre adiante de seu tempo, na moda, na literatura, na política e na história, seus campos privilegiados de auto-realização.

No amor, Aquário ama a liberdade pessoal de ir e vir, não gostando de pessoas dependentes, muito emotivas ou que exijam provas de afeto. No sexo, tudo depende de vários fatores. Há os que só se acendem depois que a identidade intelectual foi acionada, outros para quem isso não importa. 

Apesar de amarem a autonomia, são capazes de grande fidelidade e devotamento a uma pessoa, quando assim o decidirem. Têm muito pudor e uma certa vergonha até, e não gostam que sua vida intima seja devassada por olhares estranhos. Por serem ousadas e gostarem de novidades, tem sempre uma porta aberta para as aventuras, o que pode impedir um casamento mais conservador.

Seu elemento é o Ar, sua pedra é o quartzo azul e as pedras azuladas, mas também o ônix e o diamante; seu metal é o chumbo e o urânio se diz estar associado a ele também, sua cor é o azul-céu e o negro-azulado. Astro regente: Saturno (clássico) e Urano (moderno).

Você une dentro de si mesmo tanto o poder criador e centralizador de Leão, quanto à destrutividade e o impulso renovador de Aquário. É uma pessoa criativa, cheia de idéias originais, dono de uma inteligência visionária e uma ampla capacidade de, mesmo se sentindo como a pessoa mais importante dentro de sua própria vida, se colocar no lugar das outras pessoas e enxergar as coisas de outros pontos de vista, ainda que você sempre faça as coisas do seu jeito ignorando conselhos ou pedidos. Você da às outras pessoas a impressão de não se importar com o que elas pensam sobre você, o que no seu caso pode ser problemático porque ter o Sol em Leão implica numa ampla necessidade de aprovação, necessidade de que as pessoas o reconheçam por quem você é ou faz, mas as pessoas se sentem desestimuladas com seu aparente desinteresse na opinião delas. Se notar que as pessoas não vão dizer nada, pergunte a elas o que elas acham, certamente é melhor do que ficar angustiado achando que ninguém nota sua existência. Esse dilema se estende também em outras áreas de sua vida. 

No amor, você pode vivenciar algumas dificuldades, porque apesar de ser uma pessoa afetuosa, apaixonada, voluptuosa, cheia de amor pra dar, sua aparência dá a impressão de desinteresse ou frieza. Quando as pessoas lhe conhecem de verdade normalmente elas têm uma surpresa, umas se apaixonam ao ver que você é muito mais “quente” do que aparenta, outras saem correndo achando que caíram em algum tipo de propaganda enganosa, porque por fora a imagem é de desinteresse e desprendimento, mas na prática você demonstra muita paixão e intensidade. 


... tá aí deve ser por isso que eu me identifico tanto com o Obama! Somos Leoninos com ascendente em aquário.

Barack Obama


Barack Hussein Obama II (Honolulu, 4 de agosto de 1961) é um advogado e político dos Estados Unidos, o quadragésimo quarto e atual presidente do país, desde 20 de janeiro de 2009, e o Nobel da Paz de 2009. Sua candidatura foi formalizada pela Convenção do Partido Democrata em 28 de agosto de 2008. 

Até então, era senador pelo estado de Illinois. Obama foi o primeiro negro (afro-americano no contexto estadunidense) a ser eleito presidente estadunidense,. Foi também o único senador afro-americano na legislatura anterior. Barack Obama também é canhoto, assim como alguns presidentes dos Estados Unidos como: Gerald Ford, Ronald Reagan, George H. W. Bush e Bill Clinton. 

Graduou-se em Ciências Políticas pela Universidade Columbia em Nova Iorque, para depois cursar Direito na Universidade de Harvard, graduando-se em 1991. Foi o primeiro afro-americano a ser presidente da Harvard Law Review.  

Obama atuou como líder comunitário e como advogado na defesa de direitos civis até que, em 1996, foi eleito ao Senado de Illinois (Órgão integrante da Assembléia Geral de Illinois, que constitui o poder legislativo local), mandato para o qual foi reeleito em 2000. Entre 1992 e 2004, ensinou direito constitucional na escola de direito da Universidade de Chicago. 

Tendo tentado, em 2000, eleger-se, sem sucesso, ao Congresso dos Estados Unidos, anunciou, em janeiro de 2003, sua candidatura ao Senado dos Estados Unidos. Após vitória na eleições primárias, foi escolhido como orador de honra para a Convenção Nacional do Partido Democrata em julho de 2004. Em novembro, foi eleito Senador dos Estados Unidos pelo estado de Illinois com 70% dos votos. Em 4 de janeiro de 2005 assumiu o atual mandato, o qual tem duração até 2011. 

Como membro da minoria democrata no período entre 2005 e 2007, ajudou a criar leis para controlar o uso de armas de fogo e para promover maior controle público sobre o uso de recursos federais. Neste período, fez viagens oficiais para o leste europeu, o oriente médio e África. Na atual legislatura, contribuiu para a adoção de leis que tratam de fraude eleitoral, da atuação de lobistas, mudança climática, terrorismo nuclear e assistência para militares americanos após o período de serviço. Recebeu o prêmio Nobel da Paz em 2009. 

Carl Gustav Jung


Carl Gustav Jung (Kesswil, 26 de julho de 1875 - Küsnacht, 6 de junho de 1961) foi um psiquiatra suíço e fundador da psicologia analítica, também conhecida como psicologia junguiana. 



http://www.megastrologia.com/2009/08/sol-em-leao-e-ascendente-em-aquario.html